Flávio Gikovate

Tive a felicidade de conhecer Flávio Gikovate. Médico psiquiatra, psicoterapeuta, conferencista e escritor. Ele morreu nesta quinta, dia 13, após uma curta batalha contra um câncer de pâncreas, descoberto em abril.

Com vasto conhecimento e eloquente serenidade, Flávio Gikovate inspirava muita confiança. Ajudou-nos bastante em momentos difíceis da minha família.

Sou apaixonada pelos livros que escreveu. Com muita simplicidade fala sobre temas tão complexos da natureza humana: amor, felicidade, relacionamentos, sexo, etc. Ele me presenteou com dois “Dá pra ser feliz… Apesar do medo” e “Ensaios sobre o amor e a solidão”. Ambos maravilhosos. Foram mais de 30 livros publicados e que juntos somam 1 milhão de exemplares vendidos.

“Escrevo o que vivo na prática. E não há melhor material de observação do que o comportamento das pessoas. Não invento fórmulas. Meu objetivo é levar conhecimento. Se isso é autoajuda, então escrevo livros de autoajuda. Não tenho medo de rótulos. O meu respaldo não é acadêmico. Ele vem do público, que compra os meus livros e gosta do que lê”, escreveu em seu site.

Eu e minha família guardamos no coração suas sábias palavras e o jeito carinhoso de ser. Que Deus o tenha!

Site do Flávio Gikovate:

http://flaviogikovate.com.br